.

Os 13 Porquês — Jay Asher

Os 13 Porquês é um livro que fala sobre Hannah Baker, uma adolescente vítima de bullying, em uma escola dos EUA, que se suicida, mas decide, antes disso, gravar em fitas cassete os treze motivos que a levaram a tomar esta decisão.

Primeiro romance de Jay Asher, escritor americano, que teve a idéia de escrevê-lo enquanto visitava um museu e escutava os comentários gravados sobre as obras em um áudio-guia, Os 13 Porquês — Thirteen Reasons Why — é um livro que hipnotiza e faz com que o leitor devore rapidamente as linhas para conhecer o desfecho.

Clay é um adolescente quieto que vive sua vida pacata, até confessar em uma festa para Hannah que sempre foi totalmente apaixonado por ela, ficam juntos por uma única noite — a noite anterior ao suicídio.

Um dia ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com sete fitas cassete, nas quais estão gravados os 13 motivos pelos quais Hannah tinha se suicidado e estas fitas eram destinadas às 13 pessoas que ela considerava responsáveis por seu suicídio.

Clay era uma das pessoas nas fitas e havia uma regra: Depois de escutar as fitas, passe-as ao nome seguinte ao seu. Tomado por espanto, angústia e muito medo, Clay permanece escutando as gravações madrugada afora.

Anda pela cidade com seu Walkman ouvindo as fitas enquanto visita cada um dos locais que ela menciona na gravação na tentativa de entender seus motivos e o que ele descobre, muda sua vida para sempre…

… Não vou dizer qual fita tem a ver com sua participação na história.
Mas, não precisa ter medo.
Se você recebeu essa caixinha bonitinha, seu nome vai aparecer...Eu prometo
Afinal, uma garota morta não mentiria.
Espera aí! Isso está parecendo uma piada.
Por que uma garota morta não mentiria?
Resposta:
porque ela não pode mais falar!
Será que é um bilhete de suicídio às avessas?
Vai, pode rir.
Tudo bem. Eu achei engraçado
Antes de Hannah morrer, ela gravou este monte de fitas.
Mas por quê? As regras
são bem simples. São só duas.
Número um: você escuta. Numero dois: você repassa.
Espero que nenhuma delas seja fácil para você …


O autor usa a fórmula do suspense para levar o leitor a querer descobrir quais pessoas estão nas fitas e por quê e, principalmente, qual era a relação de Clay com Hannah. A fita dele, com certeza, é a mais esperada do livro todo.

A capa e a partes internas do livro tem tudo a ver com a história, desde a fita até o mapa que Hannah menciona nas gravações. Cada capítulo é um número. Fita 1: Lado A e assim por diante.

Hannah conta sua história, ao mesmo tempo em que é registrado os atos e pensamentos de Clay, frases intercaladas umas nas outras. Os símbolos de pause, play e stop nos dizem quando Clay apertou os respectivos botões e quando a narrativa é somente dele.

A história de Hannah vai lentamente se desenrolando e algumas coisas tornam-se difíceis de ler, principalmente, pelo leitor que vive ou já passou por situações parecidas com as que ela vivenciou e que a levaram a tomar sua decisão.

O leitor é de tal forma envolvido que sofre por Hannah e por seus motivos e também passa a calçar o sapato das outras 13 pessoas que ouviram a fita e a partir daí começaram a se sentir responsáveis pela morte de Hannah.

Há sempre uma lembrança de piadas de escola, brincadeiras estúpidas e quando é Hannah que fala sobre isso — e não Clay em pensamentos — a coisa acaba se tornando mais interessante, pois ela tem uma perspectiva de quem analisou tudo e já sabe que decisão tomar.

Possivelmente o leitor se perguntará durante a história onde está a família de Hannah, pois os pais de Hannah são notavelmente ausentes, mas ela camufla isso dizendo que eles estavam trabalhando o tempo todo, assim como há milhares de pais por este mundo afora na mesma situação.

Certamente, o leitor também se questionará o “porquê” de Hannah pensar que a morte resolveria seus problemas, quando a maioria dos adolescentes com ajuda conseguem sair dessa fase com vida?

A adolescência é um período complicado e os adolescentes não possuem a perspectiva que os adultos têm para lidar com certas questões e, por outro lado, as fraquezas nessa fase são inúmeras, levando-os a tentar métodos nada convencionais de fazer a dor parar.

O livro também mostra como as pessoas têm efeito na vida umas das outras. Você pode dizer algo totalmente aleatório para alguém, e esse alguém ver um significado nisso. Muitas vezes, apenas uma palavra amável, uma nota encorajadora, um ouvido atento podem fazer a diferença no dia de alguém, na vida de alguém, ou pode ignorá-la, como muitos fazem, e deixar que ela se afunde.

Isto não significa que somos responsáveis pelas ações — como suicídio— dos outros, mas temos a capacidade de colocar uma pessoa para cima ou derrubá-la num piscar de olhos.

O livro é um aviso que mostra como pequenas coisas podem formar uma teia gigante,ou, como Hannah dizia, uma bola de neve, que começa com algo sem muita importância e acaba ganhando velocidade.

O que começou a bola de neve de Hannah? Um boato que circulava pela escola e que lhe gerou insegurança, decepção, sofrimento e humilhação. Ou vítima de xingamentos, agressão física, emocional, perde a sua própria privacidade, sua felicidade, e a cada dia perde um pouco do que ela mais preza: seus amigos — os quais ela nunca verdadeiramente teve.

O final da história é um misto de alívio e tristeza, pois, afinal, Hannah não vai aparecer dizendo que tudo foi uma brincadeira e que ela não se matou.

O livro de Jay Asher aborda um tema muito polêmico nos Estados Unidos: O bullying e suas consequências que infelizmente continua crescendo e levando as vítimas ao suícidio por bullying.

Poder-se-ia dizer que Os Treze Porquês seria um bom livro para ser adotado nas escolas, pois possibilita discussões sobre temas como bullying, amizade e suicídio e, vale a pena citar que as situações descritas no livro e o comportamento do jovem foram baseadas em histórias de pessoas próximas e até do próprio autor e que poderiam acontecer a qualquer um.

Leia este livro — não importa sua idade — e se você tem um adolescente nas suas proximidades, presenteio-o com este livro!

Os 13 Porquês
Autor: Jay Asher
Editora: Ática
Preço: De R$ 29,68 até R$ 35,50
Livros Pra Ler e Reler

Tags: Treze, Porquês, Suicídio, Bullying, adolescente, Livro, Escola